Cartas de um futuro bom

09:00 2 Comments A+ a-

Foto por Alex Grazioli
Existem momentos que apenas as palavras escritas em um papel em branco podem nos dizer o que realmente aconteceu em um determinando momento de nossas vidas.

Hoje faz um ano desde que a vi pela última vez. Parece que foi ontem que olhei em seus olhos e vi aquele brilho que antes era tão singelo se transformar em algo mais intenso e aos poucos ir desaparecendo da mesma maneira que surgiu. Naquela época eu não entendia o que aquilo significava e deixe passar despercebido, assim como milhares de outras coisas que passaram pela minha vida, isso mesmo passaram, pois não fui capaz o suficiente para nota-las.

É triste de ver que fui me perdendo aos poucos, deixando que as pessoas fossem levando de mim o que eu tinha de melhor sem ao menos me oferecerem uma palavra amiga, um abraço apertado, um sorriso sincero.

Não entendo porque levei tanto tempo, o que me fez não enxergar os sinais. Mas ainda bem que as palavras me serviram de alerta e me trouxeram de volta para a realidade. Parece que cada nova linha que eu escrevia naquele velho caderno de folhas brancas quando meu coração estava apertado, na verdade era como se no fundo de minha alma eu soubesse que no futuro eu iria entender todas aquelas frases até desconexas, quem entre aquelas linhas eu iria encontrar as respostas para tantas perguntas.

Quando cheguei à última linha escrita vi que algo se reacendeu dentro de mim, que todos os momentos que me senti perdida, vazia, na verdade serviram para eu me encontrar e me preencher do mais puro e sincero amor: o amor próprio. Hoje faz um que a reencontrei, parece que foi ontem que eu vi reacender aquele brilho tão intenso, e desta vez ele veio para ficar, não há palavras para descrever, basta ver o seu olhar...


Esse texto foi uma colaboração da Ane, do blog Profano Feminino. Eu também fiz um post para o PF, bora ler?

2 comentários

Write comentários
Jessika Lima
AUTHOR
02/10/2014 01:52 delete

Poxa, sabe quando tu ler um texto e se ver nele? Pois é. Tocou bem fundo! Amei.
Parabéns, você escreve bem.
Um beijo,
http://www.dreamsinparis.com.br/

Reply
avatar
Duda Eilert
AUTHOR
02/10/2014 09:14 delete

Que profundo esse texto. Muito bom! Adorei!

Blog Flores na Cabeça

Reply
avatar