Noturna e outros poemas (C. Duffrayer)

07:00 2 Comments A+ a-


Sinopse
Através da redoma depredam-me os arlequinos, entregues às batidas, entregues aos passos, vorazes e ensandecidos; giram e cantam, embriagados com minha dor; rosnam e rugem, embriagados com meu pesar; gargalham, gritam e tremem, comungando com as sombras amorfas em uma dança vertiginosa.

Através da redoma chegam as protofônicas vozes das feras multicefalas, das feras quitinosas que guardam o umbral vislumbrado em sua superfície adamantina; eu o vejo como por um espelho nebuloso, eu o vejo como por um espelho escurecido, eu o vejo como um enigma, e em desespero tento estender minhas mãos, mas meus membros não obedecem.

E aí, é bom?
Cláudio escreve de uma forma tão profunda que a cada palavra que lia eu ficava com aquela sensação de "quero mais" e quando o livro acabou quase voltei a ler. 

Apesar de ter vários poemas, eles se conectam um com o outro fazendo com que a leitura fique suave e que sua imaginação vá longe. Você percebe que aquele poema foi feito para aquele livro e não que são vários poemas diferentes reunidos em um livro, entende?

A leitura é muito bom e todo aspirante a escritor deveria ler este livro, pois ele mostra uma linguagem do poeta mais sensível.

Essa foi uma resenha especial, pois é de um autor novo, assim como a Isadora Mello, e este é o primeiro livro dele.

Vocês gostam de conhecer novos autores? Conhece algum autor que acabou de lançar um livro? Conte-me, ficarei feliz em saber.

2 comentários

Write comentários
06/08/2014 17:00 delete

Nossa parece ser muito bom mesmo.. Anotarei na minha wilist :D

Bjos :*
www.eraoutravez.com

Reply
avatar
07/08/2014 07:51 delete

Tenho certeza que você irá gostar.

Beijos.

Reply
avatar